"A falha indiscute com a razão, fato inoperante quando não há emoção. Tudo que é movido por amor sincero pode derrubar muralhas e construir abrigos"

26th July 2012

Post

comparsas (incompleto)

meu amigo e eu, uma dupla de um titã e um deus

se formos pra guerra, matamos mais de mil

meu amigo e eu, discípulos de Chuck e Morfeu

quando estamos juntos, playboy, tu perdeu

somos comparsas investindo nos nossos instintos

nossos crimes são perfeitos, nem um único vestígio

era pra sermos nosso próprio inimigo

mas até nós mesmos temos tamanho juízo 

os caras da lei são fora da lei

em terra que é nossa, não existem leis

pois leis foram criadas para serem quebradas

antes de aprender a correr eu já voava

pau que nasce torto mija fora da bacia

e acerta uma vagina bem úmida e quentinha

(…)

26th July 2012

Post

dias normais (incompleto)

podemos sempre seguir uma única direção e nem ao menos olhar pra traz

podemos fazer das tripas coração por algo que não vale nem um tostão

mas se resolvermos questionar os dogmas da sociedade

vamos perceber que nós somos os menos responsáveis por…

dias normais, caras normais com vidas tecidas com linhas de seda

seria melhor pra nós ter um livro aberto em mãos para escrever

o nosso próprio destino.

já não somos mais os mesmos

o tempo passou e tudo mudou

mas o roteiro é o mesmo

só mudam os personagens

dias nublados são dias normais

27th June 2012

Post

What I Think About Us

Conheci uma garota na balada que requebrava na lambada

Era rainha na escola de samba e tinha carinha de mó santa

Mas ela gostava  mesmo era de dançar e dançava qualquer música

Então pedi à banda que tocasse um funk dos anos 80

Chamei-a pra dançar e ela disse: “Te desafio a tentar me acompanhar!”

E ela dançou e me enlaçou em seu perfume

Que exalava junto do seu suor escorrendo naquele corpo

De cor morena, eu era a madeira e ela era o fogo

Nós éramos o Casal Fogueira, pois botamos fogo na casa inteira

E nosso embalo se encaixou quando a banda chegou ao refrão

E nós cantamos, enquanto eu segurava a sua mão:       

I don’t know what I think about our love

What I think about us (2x)

But this song make me feel heat

And toke me to your mount (2x) 

27th June 2012

Post

Volume Alto

Essa história é minha e dela, eu estava na 5ª série e ela na oitava

Durante o recreio falávamos de tudo e dividíamos a mesma bolacha

Era sempre assim durante a semana até que nos finais de semana

Resolvemos ir pra casa um do outro, compartilhando nossa intimidade

Quando eu ia a sua casa ela dizia “Entre, estou no meu quarto!”

Eu entrava e me deparava com ela de calcinha e sutiã

Virgem seminua, sem vergonha e eu com a pica dura

Ela sempre provocava isso na hora do banho até de manhã

Coloquei a mochila no colo pra ela não reparar o volume

E o volume estava alto, não entendi o que ela falava e me aproximei

Só que esqueci que estava armado e ela sem vergonha reparou

Com as duas cabeças pegando fogo, tipo Cérbero, eu sorri

Me jogou na cama dizendo que me ama

Abriu meu zíper enquanto lambia minha orelha

E eu não agüentando mais jorrei o molho madeira

E chegando lá ela meteu a mão na porra e reclamou

Dizendo que só a mão dela estava molhada

Limpou aquilo na minha roupa e ficou sem graça

E disse que eu não passava de uma criança pirralha

Que não agüentava nenhum chupão

Pra não ficar de carão eu saí prometendo voltar amanhã

Mas ela disse “Só volte agora quando você tiver controle da situação!”

Enquanto eu levava o fora o silêncio não reinava

Pois o rádio ainda estava ligado e era isso que tocava

“Tudo que eu fiz foi sorrir pra ela, mas ela não sorriu

E pensando bem ela não é a única, puta que pariu!”   (2x)

E eu voltei pra casa confortado e até bem animado

27th June 2012

Post

Macaco e Banana (?!)

Peguei meu violão e me afastei da cidade e do seu adorável caos

 Atropelei dois caras em meu pensamento, mas deixei pra lá

Afugentei minha ignorância e elevei minha voz o mais alto que pude

 Isso era só o começo

Voltei e pus na mochila uns tomates podres e farinha

Borra de café , ovos e um saco com penas de galinha

Já tinha convidado todos para o meu show

Mas eu aguardava ansioso pelos antagonistas

E você pode até pensar que sou louco

Mas quem aqui nunca matou a mesma pessoa milhões de vezes

Só na sua cabeça?

E mesmo achando que eu sou um louco

Eu só saio daqui depois que sentir que eles limparam com a língua

 O meu sapato daquela poeira

Por isso eu vou pegar a estrada para o deserto do Saara

Vou pisar na lama e fazer com que eles digam que me amam

Assim como macaco e banana (2x)

Mas se eu cair na fossa pensando que era lama

Não vou me preocupar, eles vão ter que me engolir

Ah, vão! 

27th June 2012

Post

Cai Fora (Vaza, vaza, vaza)

Xô preguiça, xô indiferença. Xô desigualdade, xô descrença

Xô sonegação, xô maldade. Xô corrupção, xô filha-da-putagem

Essa vida que eu levo, tende a me deixar mais esperto

De dentes serrados, com punhos serrados

Na luta que eu cair, não caio nem deitado nem sentado

 Já falaram pra mim que fariam e aconteceriam

Já provaram pra mim que é pura ladainha

E eu to cansado dessa conversa fiada

Que enrola o meu povo falando muito

E não dizendo nada, conversa fiada

Já demos corda suficiente para enforcar

Uma geração inteira de líderes que só sabem enganar

E desse teatro eu to cheio

De ver seu bolso enchendo, eu to cheio

Enquanto a barriga dos filhos da miséria está vazia

Dizem que existe justiça

Só não disseram pro lado de quem

Mas eu já saquei qual é da parada

E estou prestes a atacar com a mais nova armada

De desempregados, desiludidos e desrespeitados

Uma armada cheia do povo que cansou de ser otário

Se pedir licença não resolver

Nós bradaremos com fervor

Cai fora, que é a vez do povo

Tentar resolver o que só ele sente na pele

Vaza, vaza, vaza (+4x)

27th June 2012

Post

Manhã Fria Sem Você

O céu está azul

E não há cor mais bonita do que a de um céu azul

A manhã está fria

Mas sua parte em nossa cama ainda está vazia

E eu me lembro como se fosse ontem, do dia em que você partiu

Dizendo que voltaria numa manhã fria de um céu azul-anil

Mas tem mais de um mês que os dias me acordam assim

E a cada dia que passa eu perco as esperanças de você voltar pra mim

Não há vida sem você

Não há amor sem você

Não há um eu sem você

Meu coração está fraco

Precisando de você para acertar o seu marca-passo

Minha boca está sem sorrisos

Desde que você partiu o inferno tomou conta do meu paraíso

E eu me lembro como se fosse ontem, da nossa última noite de amor

Sussurrando em meus ouvidos desejos que aumentavam meu calor

Mas o culpado dessa solidão sou eu, que deixei você partir

E nem imaginava que sem você eu não pudesse existir

Não há vida sem você

Não há amor sem você

Não há um eu sem você

Mas o culpado dessa solidão sou eu, que deixei você partir

E nem imaginava que sem você eu não pudesse existir 

27th June 2012

Post

Abraços Apertados

Os olhos abertos vêem o tempo passar

Tudo passa e nada quer mudar

Fecho meus olhos e peço em oração

Que essa chuva caia e molhe meu coração

Para que eu possa te mostrar

Onde o Sol brilha mais

Onde nós possamos ouvir todos os anjos

E ficarmos de braços dados, com os abraços apertados

Eu procurei não te iludir

Nem falar meias verdades

Tentei manter você sempre ao meu lado

Para não correr o risco de me arrepender

Então

Me abrace com o melhor abraço

Não chore porque eu já cheguei

Para te levar aonde se sinta segura

Nos meus abraços

Vou te mostrar tudo que quiser ver

E não haverá nada que possa me separar de você

Não precisarei mentir nem esconder verdades

Pois entre nós morará a felicidade

27th June 2012

Post

Garota Propaganda

Imagina uma garota propaganda de uma revista masculina

Investindo na carreira para não mais voltar à esquina

E trabalhar vendendo o corpo a poucos trocados

Sua vida foi difícil, vendendo o que vive tapado

E mesmo assim essa garota queria voltar à ativa

Passou batom, Bloch e empinou o bumbum

Fez abdominal, a unha e o cabelo

Mas levou um susto ao olhar pro espelho

Difícil de acreditar que seu tempo já havia passado

Tudo que ela via era uma senhora, vaidosa e perdida

Entre outras décadas que ela sabia que não voltariam mais

Não voltariam mais

O seu tempo já se foi amor

Volte para a cama, vá cuidar do vovô

E tire os biscoitos e o bolo do forno

Amanhã os netinhos voltarão

27th June 2012

Post

Cabelos Longos

Ela parecia uma selvagem com seus cabelos longos

Andando seminua na cidade, deixando motoristas tortos

Só pra verem ela passar com sua tanga branca molhada

Marcando a marca do biquinho do peitinho apontado como lança

Ela remexe e balança e faz a sua dança

De cipó a cipó, faz qualquer homem desejar voltar ao pó

Aos seus pés uma serpente com uma maçã na boca

Vem rastejando ao seu passo, mostrando o caminho, a tentação

Eva, oh Eva!

Passe por mim e me deixe seu veneno, Eva

Eva, oh Eva!

Seja a primeira a morder a maçã e traga-me seu prazer!

5th April 2012

Post

"O vento de fim de tarde me trouxe uma saudade, e essa saudade magoou meu coração. Mas minha mente me trouxe à lembrança tanta gente que completou a minha história e isso curou meu coração. Mas saudade dói, dói sim e um dia eu tenho todos vocês de volta, bem perto de mim."

5th March 2012

Post

Ela sempre será .

Nós fomos criados nos braços dos nossos pais imaginários

Corremos livres como o vento que nos ensinou a voar

Mergulhamos na alma daqueles que ouvem as nossas vozes

E temos tempo de sobra pra amar quem nos ama

E eu voo alto pra ver vocês aí embaixo

E a chuva cai enquanto eu oro pelos desamparados

Mas nada se compara ao abraço que ganho

Quando chego em casa, meu dia está ganho

Nada se compara com o beijo molhado que ganho

Da mulher mais linda que Deus fez com tanto encanto

Ela sempre será a mesma mulher pela qual eu me apaixonei

Sempre será a mulher pela qual eu me apaixonei

E ela sempre terá meu amor sincero  (…)

5th March 2012

Post

Uma certa garota .

Eu conheci uma garota que coloriu meu mundo preto e branco

Eu conheci uma garota que me mostrou a curva mais linda do seu corpo

E não viu nada demais em sorrir pra mim

E foi com o meu sorriso que a retribuí 

Hoje faz um ano que estamos juntos, num amor de Babel

Hoje faz um ano que conheci uma certa garota que

Me faz tão feliz, ela me faz sentir tão eu

E eu acho isso tão importante, tão empolgante

Não há segredos entre nossas confidências, eu falo sério

Eu conheci uma garota que ama seus pais e o Brasil

E que gosta de seus compatriotas e nosso céu anil 

Ah, se não fosse essa garota. Não sei o que seria de mim

Não sei, não. Não sei …

Hoje faz uma vida que conheci uma certa garota que

Me fez uma vida inteira tão bem.   (…)

4th March 2012

Post

Propaganda real

"Atenção, atenção ! Não percam essa última promoção

Só vai durar até acabar esse último estoque !”

Senhoras e senhores, bem vindos ao Saldão

Agora temos em nossas mercadorias a incrível insanidade humana

Você pode adquiri-la por apenas assinar esse contrato 

E devolvemos o seu dinheiro, melhor pagamos para você ser insano

Use a maldade que já veio com seu coração e seja cruel com o seu próximo

Não bastando, você leva de brinde a corrupção e a infidelidade 

(…)

(continua)  sem inspiração pra esse assunto

4th March 2012

Post

Larica

Era questão de centímetros de distância entre você e eu

E você começou a vir na minha direção, pouco a pouco eu

Fui abrindo a boca e falando palavras sem sentido

Frases soltas como bolhas de sabão que se explodiram

Com o beijo que você me deu

Com o olhar que o antecedeu 

Em vão eu tentei me desvencilhar e um assunto reatar

Você não deu brecha e partiu pra cima, ia me amassar

Não dá mais pra me desvencilhar, você conseguiu

Estou entre a parede e você, leve contigo o que quiser

Essa mulher tem uma larica insaciável 

E eu até me divirto com isso, eu me divirto

Não vou perder esse jogo, vou partir pra cima

E vou dar o que ela tanto quer

Fui jogando suas roupas para o alto, joguei longe

Joguei longe seu salto alto e fiz de conta que era um assalto

"Se entregue senhorita, ou vou ter que levar de você o que sobrou"

E não sobrou quase nada, acho que vou ter que te levar pra casa

E alimentar essa gata, com uma larica danada